Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook

Botelho destaca parceria com Empaer para cultivo de plantas frutíferas


eduardo-botelho
Esta postagem foi publicada em 1 de setembro de 2021 Notícias, Política.

Termo de cooperação técnica foi firmado para a produção também de plantas nativas no Vale do Rio Cuiabá

O primeiro-secretário da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, deputado licenciado Eduardo Botelho (DEM), destacou a importância da parceria firmada entre a ALMT e a Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural – Empaer, nesta segunda-feira (30), para o reflorestamento de áreas do Vale do Rio Cuiabá, iniciativa amplamente debatida por ele anteriormente.

Botelho defende medidas que melhorem a vida dos pequenos produtores, com a geração de emprego e renda na região, que é formada pelos municípios: Acorizal, Chapada dos Guimarães, Cuiabá, Nossa Senhora do Livramento, Santo Antônio de Leverger e Várzea Grande.

O Termo de Cooperação Técnica 006/2021 prevê investimentos na ordem de R$ 438 mil, sendo R$ 300 mil da ALMT, à produção de mudas 350 mil mudas de espécies frutíferas, ornamentais e nativas no Vale do Rio Cuiabá, num prazo de 15 meses.

unnamedAssinado pelo presidente da Casa, deputado Max Russi (PSB) e Janaina Riva, primeira-secretária em exercício e o diretor-presidente da Empaer, Renaldo Loffi, a parceria visa recuperar as áreas de proteção permanente – APPs, matas ciliares, nascentes, parques, jardins e arborização de ruas e avenidas das cidades da região. Ação que, conforme o documento, será fundamental para a formação de maciços florestais, contribuindo sobremaneira à redução da temperatura; à qualidade do solo; a quantidade de chuvas e a qualidade do ar, refletindo diretamente na vida dos população.

Janaina Riva reafirmou o compromisso com parcerias importantes como essa. “Quero parabenizar o presidente Max Russi e o deputado Botelho, que está afastado, mas sempre defendeu essa bandeira da agricultura familiar, sempre nos ajudou com as pautas da Empaer. Essa parceria é muito importante para a Empaer, para atender os pequenos produtores. Estamos falando de reflorestamento, recuperação ambiental. Temos que continuar pensando no fortalecimento da agricultura familiar”, disse a deputada, ao destacar o empenho da Assembleia Legislativa em defesa da extensão rural, que leva orientação técnica para pequenos produtores.

PRODUÇÃO – Dividida em seis etapas, a produção seguirá: a coleta e beneficiamento de sementes; preparo e demarcação do viveiro; construção de sementeira, tratamento e semeadura; enchimento de sacolas e enviveiramento; manutenção do viveiro (tratamento fitossanitário) e, por fim, a entrega de mudas.

 

 

 

Fonte: Asssessoria


WhatsApp

Nenhum banner para exibir



Politica de Privacidade!

-