Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed  | 

Facebook

Botelho percorre trechos do Pantanal e se impressiona com devastação do bioma


unnamed (2)
Esta postagem foi publicada em 20 de setembro de 2021 Destaque Slide Topo, Notícias.

A situação do Pantanal mato-grossense preocupa. Esse foi o sentimento do deputado Eduardo Botelho (DEM), primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, ao visitar trechos do bioma e ficar impressionado com as condições dos animais agonizando ou disputando um pouco de lama que ainda resta nos corixos, nas proximidades da Transpantaneira.

Ele esteve em Poconé, nesta segunda-feira, e aproveitou para percorrer alguns pontos da região, quando constatou diversos jacarés, capivaras e outros animais perecendo pela escassez de água.

unnamed

Em entrevista à imprensa, Botelho chamou a atenção sobre o problema e fez o alerta: “se não tomarmos uma providência vamos ver o fim do Pantanal. Temos que preservar essa fauna e flora que formam o bioma que é patrimônio mundial. As imagens são impressionantes. Vimos muitos animais mortos. Tem que haver uma solução. Já falaram que abrir poços artesianos pode ajudar a solucionar a situação na época da estiagem. Mas, é preciso fazer estudos para que não haja essa destruição do nosso bioma. Vi jacarés e capivaras disputando uma pequena poça de lama porque água não tem mais. Isso acontece em todo Pantanal”, lamentou.

unnamed (1)

De acordo com o deputado, na região deve ser mantida, de forma sustentável, a pecuária. “Deixar o pantanal para a pecuária e retirar a agricultura. É preciso preservar as cabeceiras dos rios que abastecem o Pantanal. Tem que resolver isso, em que época ouvimos falar que as baías estavam secas? Agora, pode andar no meio das Baías de Chacororé e Siá-Mariana. Acho que a construção de usinas nesses rios que abastecem o pantanal tem que ser proibida, tem que ser feito um trabalho de desobstrução dos canais. Tem que ser agora. Mais uma vez volto a dizer: ou tomamos providência agora, ou vamos ver o fim do pantanal!”, alertou Botelho, ao conclamar as autoridades para uma força-tarefa que ajude a preservar a fauna e a flora do bioma.

 

 

 

Fonte: Assessoria


WhatsApp

Nenhum banner para exibir



Politica de Privacidade!

-