Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed

Facebook

Eleição ao Senado em MT pode ter mais de 10 candidatos


10
Esta postagem foi publicada em 22 de julho de 2020 Notícias, Política.

A eleição para o Senado em Mato Grosso, para preenchimento da vaga da ex-senadora Juíza Selma Arruda (Podemos-MT), cujo mandato foi cassado, pode ter mais de 10 candidatos. Treze nomes foram cogitados, mas algumas destas candidaturas não devem ser oficializadas. Por determinação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o pleito será realizado no dia 15 de novembro, junto com o primeiro turno das eleições municipais.

A vaga é ocupada temporariamente por Carlos Fávaro (PSD), terceiro colocado na disputa, que ganhou no Supremo Tribunal Federal (STF) o direito de ocupar a cadeira até que nova eleição seja realizada. O pleito suplementar estava marcado para abril, mas foi adiado pela Justiça Eleitoral do estado devido à pandemia da covid-19.

Confira os possíveis concorrentes à vaga no Senado:

Otaviano Pivetta (PDT) 

Atualmente, ele mora na capital e é empresário dos setores da agricultura e pecuária. É a primeira vez que disputa a vaga de senador.

 

Júlio Campos.jpg

Júlio Campos (DEM) 

Ele é mato-grossense e se formou em agronomia, mas atua na política desde 1964. Júlio já foi governador do estado, prefeito de Várzea Grande, deputado federal e senador. Sua candidatura ainda não está definida.

 

Rúbia1.jpg

Tenente Coronel Rúbia (Patriotas)

Ela nasceu e mora em Cuiabá. Pela primeira vez, disputa a vaga ao Senado. O partido tem como primeiro suplente Victório Galli e segundo suplente o tenente Luciano Esteves, ambos do Patriotas.

 

reinaldo morais.jpg

Reinaldo Morais (PSC) Reinaldo tem 49 anos, nasceu no Paraná, mas mora em Cuiabá há cinco anos. Formado em zootecnia, ele é mestre na área de produção animal e nutrição. O candidato é empresário do ramo de suinocultura e essa é a primeira vez disputa a vaga de senador.

 

Gisela Simona (Pros)

Com uma candidatura que ainda não está definida, já que ela pode ir para a disputa da prefeitura, Gisela é advogada e atua como superintendente do Procon em Mato Grosso. Ela já disputou as eleições de 2018 como candidata a deputada federal e obteve 50 mil votos e ficou com a primeira suplência na Câmara Federal.

 

Valdir Barranco (PT)

Ele tem 45 anos, nasceu no Paraná, mas na adolescência se mudou com a família para Nova Bandeirantes, a 980 km da capital. Mora em Cuiabá há 10 anos e é formado em biologia. Atua como deputado estadual e já está em seu segundo mandato. Em Nova Bandeirantes, foi secretário Municipal de Educação e prefeito.

 

leitão

Nilson Leitão (PSDB)

Ele já foi vereador, prefeito de Sinop, deputado estadual e federal. Nilson atua na política desde 1996. Sua candidatura ainda não está definida.

 

Carlos Fávaro (PSD)

Fávaro foi uma decisão tomada em conjunto, com o ex-ministro Blairo Maggi, o deputado estadual Paulo Araújo e lideranças da executiva municipal como Eusébio Queiroz e Vanderlúcio Rodrigues da Silva-, e se deu pelo perfil e respeitabilidade que Fávaro tem junto ao eleitorado e ao agronegócio.

 

Procurador Mauro (PSOL)

O PSOL lançou o procurador Mauro como candidato ao Senado. Ele tem 44 anos e é natural de Cuiabá. Mauro é formado em direito e atua como servidor público. Ele já disputou outras eleições em Mato Grosso.

 

Feliciano Azuaga.jpg

Feliciano Azuaga (Novo)

O partido Novo lançou Feliciano Azuaga, de 39 anos. O candidato nasceu em Campo Grande (MS), mas é morador de Sinop há 15 anos. Ele é doutor em economia e atua como professor na Unemat. Pela primeira vez disputa o cargo para senador.

 

José Medeiros (Podemos)

Ele tem 49 anos, é natural de Caicó (RN) e se mudou para Rondonópolis para trabalhar com política há mais de 20 anos. Ele é formado em matemática, direito, e foi agente da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Medeiros foi senador entre 2015 e 2019 e, atualmente, é deputado federal.

 

Elizeu Nascimento (DC)

Ele é deputado estadual, pelo Democracia Cristã. Em Cuiabá, Elizeu Nascimento participou da criação do bairro Sol Nascente e Jardim Eldorado em Cuiabá, foi um dos fundadores do bairro Altos da Serra, onde se tornou líder comunitário.

 

Cidinho Campos (DEM)

O empresário e ex-senador Cidinho Santos vem dialogando com alguns pré-candidatos na tentativa de construir um consenso. Depois de conversar com Otaviano Pivetta (PDT) e com Júlio Campos (DEM), Cidinho procurou o ex-deputado Nilson Leitão (PSDB), o deputado federal José Medeiros (Podemos) e ainda Victório Galli (Patriota), pré-candidato a primeiro-suplente da tenente-coronel Rúbia Fernanda. Dos três, a conversa que mais avançou foi com Leitão, que analisa recuar da disputa para apoiar Cidinho.

 

 

 

 

Fonte: Muvuca Popular


WhatsApp

Nenhum banner para exibir



Nenhum banner para exibir

Nenhum banner para exibir

-