Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed

Facebook

Empresário assume gestão da secretaria de Indústria, Comércio, Turismo e Cultura de Nova Ubiratã


foto51428
Esta postagem foi publicada em 3 de abril de 2020 Destaque 2, Notícias.

O empresário e atual presidente da Associação Comercial e Empresarial de Nova Ubiratã (Acenu), Roberto Luiz de Oliveira Marques, assumiu o comando da secretaria municipal de Indústria, Comércio, Turismo e Cultura.

 

A transição de cargo ocorreu, nesta quarta-feira (1º), no gabinete do prefeito Valdenir José dos Santos.

 

Natural de Paranacity (PR) e residindo no município desde 1995, Roberto Marques substitui Wellyngton Manoel Miranda Tavares que esteve à frente da pasta por 3 anos e 10 meses.

 

Segundo Tavares, a decisão de deixar a pasta foi motivada por projetos pessoais. Pós-graduado em liderança e coaching, o antigo gestor foi responsável pela efetivação de projetos importantes no município como a Feira de Negócios e Arena Cultural (maior feira multisetorial do Estado), ‘Vem pra Praça’, e Desenvolve MT. Todos voltados para o fortalecimento do comércio local.

 

Na área de formação profissional, o gestor firmou convênios que resultaram na qualificação de aproximadamente 500 jovens e adultos além de ser responsável pela criação dos projetos culturais “Acordes da Vida” que oferece aulas de canto e violão para crianças de 8 a 17 anos e o “Cinema na Rua Itinerante” que leva entretenimento e cultura para todas as comunidades rurais do município.

 

“Nossa vida é feita de etapas e hoje eu estou apenas concluindo uma delas. Saio de cabeça erguida, com a sensação de dever cumprido por ter feito tudo que estava ao meu alcance. Não poderia deixar de agradecer aos meus companheiros de trabalho pela paciência, comprometimento e fidelidade. Ao prefeito [Valdenir José dos Santos] por ter acreditado em meu potencial e me proporcionado umas das melhores experiências vivenciadas até aqui. Minha saída é um até logo, em breve espero retornar e contribuir ainda mais com o desenvolvimento desta cidade que muito me orgulha”, disse Tavares.

 

A contribuição do, agora, ex-gestor para o fortalecimento do setor comercial também foi lembrada pelo chefe do Poder Executivo. Para Valdenir, Tavares exerceu papel fundamental no processo de desenvolvimento econômico de Nova Ubiratã.

 

“Quando você monta uma equipe de secretariado procura sempre os melhores em suas respectivas áreas. Não restam dúvidas que o Wellyngton fará falta a Administração. Por outro lado ele deixa um sucessor à altura, com competência e caráter inquestionável e apto para desenvolver novos projetos e dar continuidade áqueles em andamento”, assinala Valdenir.

 

Em seu primeiro pronunciamento como secretário, Roberto Marques defendeu a continuidade das ações que visem à geração de emprego e renda, profissionalização de jovens e o aperfeiçoamento da mão de obra local.

 

“Nós chegamos com a responsabilidade e compromisso de dar andamento ao trabalho desenvolvido pela pasta. Nova Ubiratã tem crescido a passos largos e a administração pública precisa acompanhar esse processo. Não estou na eminência de me apresentar como alguém que veio para consertar algo, até mesmo porque, pelo que conferi tudo está correto, mas sim de contribuir”, disse.

 

Em outro momento, o novo secretário demonstrou preocupação com a previsão de recessão econômica causada pela pandemia do coronavírus (Covid-19) e que, por sua vez, tem afetado diretamente o setor varejista e de prestação de serviços.

 

“Estamos diante de um dos maiores desafios deste século. E digo isso me referindo não apenas ao grande, mas em especial ao pequeno empresário. O momento requer cautela, a máxima gestão financeira e principalmente criatividade para mantermos os empregos e por consequência a economia do nosso município”, conclui Roberto que também integra o Comitê Municipal de Enfrentamento, Acompanhamento, Monitoramento e Adoção de Medidas contra o Coronavírus.

 

Ficha técnica

Nome: Roberto Luiz de Oliveira Marques

Profissão: Empresário, diretor financeiro da Cooperativa Central Mato-grossense da Agricultura Familiar (CCMAF) e  instrutor do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac)

Graduação: Bacharel em Ciências Contábeis

Pós-graduação: Liderança e Coaching

Especialização: Auditoria Externa, MBA em tributos e Gestão de Tributos

 

 

 

Fonte Ascom


WhatsApp

Nenhum banner para exibir



Nenhum banner para exibir

Nenhum banner para exibir

-