Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed

Facebook

Guarantã do Norte: Menor de 14 anos é agredida e torturada por grupo de meninas após denunciar crimes


06
Esta postagem foi publicada em 6 de janeiro de 2021 Destaque Slide Topo, Notícias.

Adolescente de 14 anos foi mantida em cárcere privado, agredida e torturada por um grupo de meninas, com idades entre 13 e 19 anos, na tarde de terça-feira (5), no bairro Cidade Nova, em Guarantã do Norte (715 km ao Norte de Cuiabá). Polícia foi acionada, fez rondas e conseguiu apreender 3 menores e prender uma agressora maior de idade.

Reportagem apurou que por volta das 13h40, PM foi acionada via telefone de emergência, onde o comunicante relatou que uma menina estava ferida e que tinha sido vítima de agressão e tortura.

No local, a menor contou que estava presa em uma casa sendo agredida por um grupo de meninas. Lá, elas praticaram tortura física e psicológica como ‘forma de castigo’.

Segundo as agressoras, a vítima foi responsável por denunciar um crime que resultou na prisão de um amigo delas. O crime aconteceu dentro da casa da menor de 15 anos.

Agressorade 19 anos foi apontada como a autora das ações físicas, utilizando ainda uma faca para torturar a vítima, que foi ameaçada de morte e agredida com a lâmina da faca. Já outra menor chegou a gravar o fato.

PM saiu em rondas pela cidade e encontrou duas das agressoras na rua. Já as outras foram localizadas em uma casa no bairro Santa Marta. Diante dos fatos, elas foram encaminhadas para a delegacia.

Conselho tutelar foi acionado para acompanhar o caso, que está sendo investigado pela Polícia Civil. Celulares foram apreendidos e vão passar por perícia. Polícia quer encontrar o vídeo gravado por uma das agressoras.

 

 

 

 

 

 

Fonte: Gazeta Digital


WhatsApp

Nenhum banner para exibir



Nenhum banner para exibir

Nenhum banner para exibir

-