Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed

Facebook

Jayme quer proibir corte de bolsas de estudo até 2021


02
Esta postagem foi publicada em 20 de agosto de 2020 Destaque Slide Topo, Notícias.

O senador por Mato Grosso, Jayme Campos (DEM), quer proibir o governo de fazer cortes na concessão de bolsas na educação superior por um ano, a partir de 20 de março, quando foi decretado o estado de calamidade pública. A proposta foi feita pelo parlamentar por meio de um projeto de lei apresentado no Senado.

“A maioria dos auxílios exige dedicação exclusiva, o que impede que os beneficiários tenham outros meios de autofinanciar necessidades básicas, como alimentação, moradia e transporte. Além da importância acadêmica, essas bolsas têm um enorme valor social. É um projeto que valoriza a educação, a ciência, a inovação e oportunidades para a juventude brasileira”, disse Jayme, em entrevista à Rádio Senado.

Se o projeto for aprovado, ficará vedada a interrupção de bolsas de estudos ou de bolsas de apoio financeiro de fomento à iniciação científica e à docência, à especialização em residência médica e multiprofissional em saúde, além das de mestrado e doutorado.

“É necessário garantir a continuidade dos pertinentes programas de concessão de bolsas, fazendo-se valer o regular pagamento das bolsas de iniciação à ciência e à docência, na graduação, assim como daqueles de estudos de pós-graduação em nível de mestrado e doutorado, além das previstas nos programas de residência médica e multiprofissional em saúde”, justifica o senador, no projeto de lei.

A matéria ainda não tem data para ser votada no plenário do Senado.

 

 

 

 

 

Fonte:: Só Notícias


WhatsApp

Nenhum banner para exibir



Nenhum banner para exibir

Nenhum banner para exibir

-