Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed

Facebook

Juína: Homem tenta matar esposa e enteada após ser impedido de manter relação sexual com a menor


17
Esta postagem foi publicada em 19 de junho de 2019 Destaque 1, Notícias.

As polícias de Juína, MT, estão procurando um homem de 40 anos acusado de cometer crimes de agressão, tentativa de homicídio e de estupro contra sua esposa e enteada. O caso foi registrado pela polícia militar na noite do dia 15 no bairro Setor Industrial.

A polícia militar informou que, Lenilson Alves da Cunha, estava em sua residência acompanhado de sua esposa uma mulher de 45 anos de idade e também de sua enteada de 15 anos, quando o mesmo embriagado confessou a esposa que estava apaixonado por sua filha e que queria manter relação sexual com a menor na cama do casal.

Ao receber o repúdio da esposa, o suspeito passou a agredi-la com palavrões e tentou contra a vida da menina e de sua esposa com uma faca, onde por pouco não perfurou seu abdômen.

As vítimas se trancaram no quarto na tentativa de fugir do agressor, que começou a carregar uma espingarda calibre 12 com a intenção de cometer um assassinato, e neste momento mãe e filha pularam a janela e correram em busca de socorro, ligando para a polícia militar.

Enquanto as vítimas tentavam se esconder do suspeito, ouviram três disparos de arma de fogo, e em seguida viram quando Lenilson saiu da residência em um Fiat UNO de cor branca com placas NTZ-6724, fugindo da residência.

Ao chegar na residência policiais militares perceberam que um dos disparos havia atingido uma TV que estava na parede da casa, e um outro disparo atingiu um aquário que também havia na residência, sendo notado que o terceiro disparo atingiu um cadeado de uma porta também da residência, onde foram encontrados materiais usados na recarga dos cartuchos da espingarda em que o suspeito possui.

Em conversa com as vítimas, policiais relataram que a menor apresentava leves escoriações nas pernas e braço esquerdo causadas pelo suspeito que bateu a porta do quarto contra a menor, pois a mesma relatou que já havia sofrido abusos por parte do suspeito outras vezes, onde na semana passada procurou ajuda do conselho tutelar e também da polícia civil, onde relatou os fatos ocorridos anteriormente.

A mãe da menor apresentava escoriações no braço direito e se queixava de muitas dores nas costas como também nas pernas, porém ela relatou aos policiais que Lenilson está em liberdade condicional em regime semiaberto, onde responde por um crime de homicídio.

A PM realizou rondas, mas não localizou o agressor que permanece foragido.

Tais crimes já são de conhecimento da polícia civil que tomará as medidas pertinentes ao caso de violência contra mãe e filha.

 

 

Fonte: Juina News


WhatsApp

Nenhum banner para exibir



Nenhum banner para exibir

Nenhum banner para exibir

-