Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed

Facebook

Juíza recebe denúncia e pais de atiradora vão responder por homicídio


05
Esta postagem foi publicada em 17 de novembro de 2020 Notícias, Política.

Juíza da 8ª Vara Criminal de Mato Grosso, Maria Rosi de Meira Borba, recebeu a denúncia feita pelo Ministério Público do Estado contra os pais da adolescente B.O.C., que matou Isabele Ramos Guimarães, 14 anos. A partir de agora, o empresário Marcelo Martins Cestari e sua esposa Gaby Soares de Oliveira Cestari passam a ser réus no processo. O conteúdo da decisão da juíza ainda não está disponível no site do Tribunal de Justiça.

Marcelo e Gaby foram denunciados por homicídio culposo, posse ilegal de arma de fogo, entrega de arma de fogo a pessoa menor, fraude processual e corrupção de menores. Isabele foi morta no dia 12 de julho deste ano.

A denúncia, assinada pelo promotor substituto Milton Pereira Merquiades, aponta que os Marcelo e Gaby, “mediante omissão penalmente relevante, culposamente deram causa à morte da adolescente Isabele Guimarães Ramos, ao permitirem que sua filha menor B.O.C. tivesse acesso à arma de fogo, tipo pistola Imbel, calibre 380, que por sua vez, em circunstâncias ainda obscuras, desferiu um certeiro disparo na face da vítima, levando-a a morte”.

 

 

 

 

Fonte: Repórter MT


WhatsApp

Nenhum banner para exibir



Nenhum banner para exibir

Nenhum banner para exibir

-