Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed

Facebook

MT registrou aumento de 18% no número de microempreendedores em 2019


Esta postagem foi publicada em 16 de janeiro de 2020 Notícias, Política.

Mato Grosso registrou em 2019 um aumento de quase 18% no número de Microempreendedores Individuais (MEIs), modalidade para quem quer abrir o próprio negócio, trabalhar sozinho ou ter até um funcionário e que tem renda de até R$ 81 mil por ano.

Conforme Eliane Chaves, técnica do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), a formalização dos trabalhadores é uma tendência nacional.

“O Brasil está melhorando o ambiente de negócios para os empreendedores e hoje as pessoas estão mais encorajadas a serem donas do próprio negócio ou mesmo ampliar a própria renda. Muitas pessoas são empregadas, trabalham com carteira assinada, e também querem empreender”, diz ela.

Ainda segundo Eliane, Mato Grosso é um estado que vem crescendo e mostrando muitas oportunidades. “As pessoas optam por essa modalidade porque assim têm acesso a crédito, benefícios de previdência garantidos. São muitas vantagens para pessoas que muitas vezes estão em casa já produzindo alguma coisa”.

Conforme a técnica do Sebrae, o perfil do consumidor também mudou.

“O consumidor hoje, por exemplo, é incentivado a pedir nota fiscal ao comprar alguma coisa. Isso também faz com que as pessoas que trabalham na informalidade passem a se formalizar como MEI”.

Para realizar o cadastro, é necessário entrar no Portal do Empreendedor, com seus documentos pessoais em mãos. “É muito rápido, a pessoa já sai com o cadastro, com o CNPJ, e isso pode ser feito dentro de casa”.

Quanto às pessoas que estão com dívidas, com encargos sem pagar, Eliane explica que os boletos devem ser gerados e pagos para que voltem à formalidade.

 

Fonte:  G1 MT


WhatsApp

Nenhum banner para exibir



Nenhum banner para exibir

Nenhum banner para exibir

-