Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | EntrarRSS Feed

Facebook

Taxa de ocupação de UTIs para Covid em Mato Grosso tem leve queda mas ainda está acima de 90%


14
Esta postagem foi publicada em 7 de julho de 2020 Notícias, Política.

A secretaria de Estado de Saúde informou, ontem, no boletim epidemiológico que a taxa de ocupação de leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) para Covid-19 desde o início da pandemia caiu para 93% (17 das 244 disponibilizadas), em todo o Estado. No domingo, a taxa chegou aos 97%. Já para enfermarias, a ocupação atual é de 48,% (354 das 681 pactuadas).

Só Notícias constatou ainda que os 20 leitos pactuados para o Hospital Regional de Sinop continuam com 100% de ocupação. Em Rondonópolis, dos 12 leitos existentes Hospital Regional, 10 estão com pacientes internados. Outros 15 da Santa Casa também estão ocupados.

Já no Hospital Estadual Metropolitano, em Várzea Grande, dos 40 leitos pactuados, 37 estão ocupados (92,5%). No hospital Estadual Santa Casa em Cuiabá dos 40 leitos disponíveis, 37 estão com pacientes (92,5%). No São Benedito das 40 vagas, 39 já foram ocupadas (97,5%). No Universitário Júlio Muller, das 14 UTIs restam 5 (64,3% de ocupação)

No Hospital Municipal de Barra Garças 7 das 8 UTIs estão com pacientes (87,5%). O Hospital Municipal de Juína são seis leitos e cinco já estão com paciente (83,33%). Estão com lotação máxima os hospitais São Luiz em Cáceres (5 leitos), Sorriso (2), Hospital e Pronto Socorro Municipal de Várzea Grande (2).

Na semana passada, o governo do Estado confirmou que deve entregar mais 94 leitos de Unidades de Terapia Intensiva em todas as regiões de Mato Grosso, até o final do mês, além de custear outras 159 que os municípios se comprometeram a instalar na rede pública. O governador Mauro Mendes disse que tem trabalho em conjunto com os municípios e na capital previsão é de entregar mais 50 nas próximas semanas (20 na Santa Casa e mais 30 no Metropolitano). “O prefeito de Cuiabá assumiu o compromisso de abrir 30. Se ele abrir as 30 dele e nós abrirmos mais essas 50, resolve em parte o problema da Baixada Cuiabana”

Ontem à noite, a secretaria de estado de Saúde informou que o número de casos confirmados de Coronavírus em Mato Grosso chegou a 22.078, sendo registrados 857 óbitos em decorrência da doença. As 36 mortes mais recentes envolveram residentes de General Carneiro, Lucas do Rio Verde, Peixoto de Azevedo, Cuiabá, Rondonópolis, Campo Verde, Várzea Grande, Tangará da Serra, Diamantino, Sorriso, Apiacás, Juína, Jaciara, Cametá, Primavera do Leste e Campo Novo do Parecis.

 

 

 

 

Fonte: Só Notícias


WhatsApp

Nenhum banner para exibir



Nenhum banner para exibir

Nenhum banner para exibir

-